Declaração de empréstimos e financiamentos no Imposto de Renda

Dívidas acima de R$ 5 mil no ano obrigam o contribuinte a declará-las no IR. Valores menores que este, só precisam ser declarados se o contribuinte tiver que declarar independentemente das suas dívidas.

COMO DECLARAR EMPRÉSTIMOS

1 – Acessar a ficha Dívidas e Ônus Reais

2 – Escolher o código correspondente ao tipo de credor

3 – Preencher o campo discriminação, informando:

  • a data da contratação da dívida
  • o nome e o CPF/CNPJ do credor

      *  é recomendável mas não necessário, informar o valor total da dívida, o número de parcelas e a taxa de juros

4 – Informar nos campos Situação e Valor Pago os saldos das dívidas a pagar (o quanto devia) nas respectivas datas, assim como o valor total pago em 2021

tela da ficha Dívidas e ônus Reais do programa IRPF2022

COMO DECLARAR FINANCIAMENTOS

Financiamentos com alienação fiduciária, ou seja, tendo o próprio bem adquirido como garantia, não são informados na ficha de Dívidas e Ônus Reais mas apenas na ficha de Bens e Direitos. Essa é uma dúvida muito comum e que gera muito erro entre os contribuintes pois, apesar de ser uma dívida, como o bem está em garantia, a Receita entende que à medida que se paga o financiamento há o aumento patrimonial do contribuinte, e é isso o que importa para fins de declaração.

1 – Acessar a ficha Bens e Direitos

2 – Escolher o grupo e o código de acordo com o tipo do bem

3 – Informar os dados referentes ao bem (os campos variam conforme o tipo do bem)

4 – Informar no campo Discriminação:

  • o valor total financiado 
  • o valor da entrada
  • o nome e CNPJ do banco que financiou

     *  no caso de veículos, informar os dados do veículo

5 – Informar nos campos Situação os valores totais pagos até as respectivas datas, podendo considerar as despesas acessórias como juros, taxas, etc., conforme Informe de Rendimentos emitido pela instituição financeira. A diferença entre os valores é o valor pago no ano.

tela da ficha de Bens e Direitos do programa IRPF2022

Continuar a jornada:

Como calcular e pagar o IR?

Saiba como calcular seu preço médio, gerar DARFs e muito mais.

A isenção dos R$ 20 mil

Saiba como declarar seus lucros isentos na Declaração Anual de IR.

Day Trade

Saiba como declarar seus lucros e prejuízos com Day Trade.

Dividendos

Saiba como declarar seus rendimentos com Dividendos.

Juros sobre Capital Próprio

Saiba como declarar seus Juros sobre Capital Próprio.

Não sabe como declarar seu IR na Bolsa?

Conheça a Akeloo