Uma chave privada é, geralmente, uma sequência alfanumérica gerada na criação de uma carteira criptográfica (wallet) e que serve como sua senha ou código de acesso. Desta forma, quem tem acesso à chave privada tem controle absoluto sobre sua carteira correspondente, podendo acessar seus fundos e transferi-los ou negocia-los.

Graças à natureza irreversível do blockchain e à sua solução criptográfica, é impossível alterar as chaves privadas. Portanto, uma vez que um usuário suspeite que uma entidade ou pessoa não autorizada conhece sua chave privada, a única maneira de proteger seus fundos é através da criação de nova carteira e respectiva chave privada para então fazer a transferência destes fundos.

Existem várias maneiras de armazenar as chaves privadas. O método básico e mais vulnerável é o código direto, por exemplo, “e0c9795a7fcf4ad2b7a257952dc5151ab1c865a02d88a41b7885b5f4e15b5879”.

Algumas carteiras também usam arquivos criptografados acessíveis por meio de uma senha, que é simplesmente um nível a mais de segurança. No entanto, o método mais comum é através da geração de 12 a 24 palavras (Seed Phrase). Nesse caso, é preciso anotar e guardar cuidadosamente as palavras em um lugar seguro.

Curiosamente, algumas carteiras, como a carteira de hardware CoolWallet S, usam números em vez de palavras para sua frase de recuperação e, em seguida, usam uma soma de verificação para verificar se ela foi registrada corretamente no final. Isso é para ajudar não falantes de inglês a evitar erros de ortografia como “plan” em vez de “plane”. Um erro tão pequeno pode impossibilitar o acesso à sua carteira.

Independentemente da forma de geração e armazenamento, é absolutamente fundamental proteger as chaves privadas adequadamente. Os usuários são aconselhados a armazená-las offline em cold wallets, em vez de mantê-los em um dispositivo online. Outra opção é escrevê-los em pedaços de papel e guardá-los dentro de cofres ou caixas de depósito.

Dica da Akeloo: Muitas vezes o cálculo e apuração dos resultados para o Imposto de Renda sobre criptomoedas pode se tornar uma tarefa complexa e trabalhosa. Para ajudar nesse processo, a Akeloo oferece uma Calculadora de Imposto de Renda sobre operações de criptomoedas , que calcula de forma automatizada todos os valores que precisam ser preenchidos na declaração anual, além de calcular e gerar os DARF’s que precisam ser pagos. Clique aqui e saiba mais.

Receba nossos conteúdos diretamente em seu e-mail

Não se preocupe, não enviamos spam.