Logo Akeloo Nelógica
CALCULADORA DE IR
Início » Investimentos » Como recuperar a declaração de IR do ano anterior

Como recuperar a declaração de IR do ano anterior

Confira um passo a passo com todos os detalhes sobre como recuperar a declaração de IR dos anos anteriores para facilitar o processo

Por Equipe Akeloo

Publicado em: 23/02/2022 às 20h28

Compartilhe

Como recuperar a declaração de IR do ano anterior

Se você já começou a se preocupar com o preenchimento da declaração de 2022, saiba que existe uma forma de otimizar seu trabalho. Com certeza, recuperar a declaração de IR de 2021 vai facilitar e otimizar muito o seu tempo neste ano. 

Basta acessar o computador no qual foi realizada a declaração anterior para conseguir recuperá-la. Caso seja inviável usar o mesmo equipamento, há algumas outras formas de fazer isso. 

Para saber como fazer essa recuperação, basta seguir a leitura. Neste texto você vai descobrir todos os detalhes sobre: 

  • Como recuperar a declaração do IR de anos anteriores; 
    • Recuperando o arquivo diretamente do computador usado no ano anterior;
    • Solicitando o documento no e-CAC;
    • Resolvendo pessoalmente.

Como recuperar a declaração do IR de anos anteriores

Há algumas formas relativamente fáceis de recuperar a declaração dos anos anteriores. Essa função existe por dois motivos: 1) facilitar o preenchimento do ano atual, pois alguns dados básicos são atualizados automaticamente, e 2) retificar em caso de erros. 

Um detalhe importante para que seja possível recuperar essas declarações diz respeito ao recibo de envio dos anos anteriores. É muito importante guardar estes documentos por pelo menos 5 anos, pois é através do número de 12 dígitos do recibo que o declarante consegue acessar o programa para acompanhar a situação da declaração ou até mesmo para fazer uma retificação, por exemplo. 

Abaixo, vamos explicar três formas de recuperar sua declaração de anos anteriores.

  1. Recuperando o arquivo diretamente do computador usado no ano anterior 

Se você puder usar o mesmo computador que usou no ano anterior para declarar o ano vigente, ótimo. Mas se não puder, o processo é bastante simples. Basta baixar o documento e enviar por e-mail de forma que seja possível acessar esse arquivo da máquina nova. Siga o passo a passo a seguir para não restar dúvidas: 

  • Abra o programa do IR do ano anterior ao que você está declarando; 
  • Do lado esquerdo há um menu lateral. Nele, escolha ferramentas e depois selecione a opção Gravar cópia. 
  • Escolha o ano que deseja recuperar ou simplesmente clique em Cópia da última declaração entregue e do recibo de entrega
  • Em seguida, avance para salvar, escolhendo um nome para a pasta e o local no computador na qual ela deve ser armazenada (ex: área de trabalho, documentos etc).
  • A pasta será salva no local escolhido com o nome definido + a extensão .DEC. Essa sigla fica após o nome e vai te ajudar a reconhecer dentre outros arquivos. 

Após salvar o documento no computador, basta enviá-lo por email para transferir e possibilitar o acesso destes dados em uma nova máquina. 

Tendo o documento salvo no computador, abra o programa da Declaração do Imposto de Renda de 2022 e selecione a opção Importar dados da declaração do ano X (neste caso, do ano anterior ao vigente). Vá até a pasta na qual os dados da declaração estão salvos e clique sobre eles para que os dados sejam transferidos para o programa. 

Realizando esse processo da maneira correta, informações como seus dados pessoais (nome, CPF, endereço etc) e dados referentes à empresa em que trabalha (como nome e CNPJ), além de dados de dependentes e demais bens declarados serão atualizados automaticamente. Lembre-se de conferir se essas informações continuam certas e não hesite em consertar caso encontre algo incoerente. 

A partir daí, basta seguir com a declaração normalmente, incluindo todas as demais informações necessárias. 

É importante lembrar que esse processo funciona da mesma forma para quem vai usar o mesmo computador do ano anterior. De qualquer forma, é necessário transferir os dados de um programa para o outro

Isso porque a cada ano, a Receita Federal disponibiliza uma nova versão do programa de declaração para corrigir possíveis falhas e aprimorar a experiência do declarante.  

Portanto, este passo a passo é útil mesmo se você puder usar o mesmo computador usado na declaração do ano passado. 

      2. Solicitando o documento no e-CAC

Outra possibilidade é solicitar a declaração anterior diretamente à Receita Federal. Neste caso, o declarante não terá acesso ao documento imediatamente, pois o pedido é feito no e-CAC, o centro de atendimento virtual da RF. 

Basta seguir o passo a passo: 

  • Acesse o site do e-CAC.
  • Informe seu CPF, código de acesso e senha, retirados do recibo de envio da declaração.
  • No menu à esquerda, siga selecione cada uma destas opções: Serviços em destaque > Processos digitais (e-Processo) > Solicitar serviço via processo digital > Área de concentração de serviço > Cópia de documentos > Obter cópia da última declaração IRPF entregue. 
  • Em seguida, será necessário informar um número de telefone válido e clicar em Solicitar serviço. 

Mesmo solicitando por esta via, reiteramos a importância de guardar o recibo dos anos anteriores, pois também é necessário ter em mãos a senha e o código de acesso gerado com os números dos recibos. 

Caso você não tenha estes recibos salvos, mas ainda tenha os arquivos das declarações anteriores salvos em seu computador, é possível recuperar os recibos através do Programa Gerador da Declaração referente ao ano desejado. 

Todos os programas já disponibilizados pela Receita Federal para realização da declaração podem ser encontrados no site oficial do órgão

     3. Resolvendo pessoalmente

Também há a possibilidade de resolver este problema presencialmente. Basta descobrir qual é a unidade da Receita Federal mais próxima e agendar um horário pelo site

Contudo, não há como fugir: a declaração deve ser preenchida digitalmente, usando o programa oficial da Receita Federal. 

Se você tem dificuldades em realizar este processo, considere contratar um contador de confiança para te ajudar neste processo. 

Com o auxílio do profissional, basta que você entregue os documentos necessários. Ele ficará responsável por preencher e enviar tudo da forma correta, evitando erros que podem te fazer cair na malha fina. 

Conclusão 

Como mostramos ao longo do texto, há três formas de recuperar os dados: acessando os programas dos anos anteriores e salvando uma cópia do documento no computador; solicitando através do e-CAC, serviço de atendimento da Receita Federal; ou solicitando pessoalmente, através de horário marcado, em uma unidade da RF que seja acessível para o declarante. 

Em resumo, recuperar as declarações realizadas em anos anteriores é possível e relativamente fácil; basta seguir o passo a passo que indicamos para cada possibilidade.

Mas a recuperação dos dados dos anos anteriores é só o começo de um processo mais longo e cheio de detalhes importantes que não podem ser esquecidos ou preenchidos de forma incorreta. Se você precisa declarar investimentos, a atenção deve ser redobrada.

Para te ajudar, preparamos um passo a passo completo com tudo o que você precisa saber e fazer para realizar a Declaração do Imposto de Renda de 2022. Conheça em detalhes a Calculadora de IR da Akeloo e descubra como ela pode tornar o processo mais simples e eficiente.

Receba nossos conteúdos diretamente em seu e-mail

Não se preocupe, não enviamos spam.

Compartilhe