Logo Akeloo Nelógica
CALCULADORA DE IR
Início » Renda Variável » O que é e como funciona o mercado à vista?

O que é e como funciona o mercado à vista?

Saiba como operar com essa operação que é a mais indicada para quem está começando no universo da renda variável 

Por Equipe Akeloo

Publicado em: 29/11/2021 às 21h05

Compartilhe

O que é e como funciona o mercado à vista?

Você já ouviu falar do mercado à vista? Esse é o nome dado para o tipo de operação que consiste no pagamento do ativo no momento em que ele é adquirido pelo investidor. 

Bastante popular no mundo dos investimentos, o mercado à vista é indicado para quem está dando os primeiros passos em renda variável, ou seja, no mercado de ações e na Bolsa de Valores.

Ainda assim, muita gente ainda não compreende como ela funciona e não sabe que a mesma operação realizada no mercado à vista pode ser feita, por exemplo, a prazo

Para entender melhor o funcionamento dessa operação e começar a investir nela, preparamos este texto, no qual você encontrará uma explicação clara sobre o que é o mercado à vista, como ele funciona e muito mais:

  • O que é o mercado à vista? 
  • Como funciona o mercado à vista? 
  • Qual é a diferença entre mercado à vista e mercado a prazo?

O que é o mercado à vista? 

O mercado à vista é o principal ambiente de negociação de ativos de renda variável na Bolsa de Valores. 

Nesse ambiente, os investidores compram e vendem ações ao preço de momento do mercado, que varia em função da oferta e demanda de compradores e vendedores. 

Após a compra, a transação é efetivada e seu valor correspondente é creditado ou debitado na conta do investidor dois dias úteis após o final da operação.

Como funciona o mercado à vista? 

O mercado à vista funciona de forma bastante relativa à maneira como adquirimos bens de consumo no dia a dia. 

Sempre que vamos a uma loja, podemos decidir entre pagar por um item ou serviço de duas formas: à vista ou a prazo

Quando optamos por pagar à vista, o pagamento é efetuado de forma imediata. Por outro lado, se uma pessoa escolhe pagar a prazo, as partes envolvidas na operação estão de acordo que o pagamento será realizado em data futura. 

Essa mesma operação pode ser feita no mercado de ações, que também opera à vista e a prazo. 

Na Bolsa de Valores, as transações envolvendo a compra e venda de ações no mercado à vista são liquidadas em até dois dias úteis.

Mesmo com esse pequeno prazo para a sua liquidação, a transação é considerada à vista, já que o preço a ser cobrado é o mesmo acordado no momento da compra ou venda

Então, ainda que exista variação no preço da ação entre a data de envio da ordem de compra e a data de liquidação, o valor será o acordado no momento de envio da ordem.

Como investir no mercado à vista?

Os investidores interessados em investir no mercado à vista precisam abrir uma conta em uma instituição bancária ou corretora autorizada a operar na Bolsa de Valores. 

A instituição bancária ou a corretora precisa fornecer ao investidor acesso ao Home Broker, portal para envio das ordens de compra e venda de ações. 

Ao comprar ações, o investimento será debitado de sua conta em até dois dias úteis. Ao vender ações, o valor da venda será creditado em sua conta nesse mesmo prazo.

Qual é a diferença entre o mercado à vista e o mercado a prazo? 

A diferença entre o mercado à vista e o mercado a prazo está na maneira como é feita a liquidação da operação de compra e venda das ações. 

Enquanto no mercado à vista os ativos são negociados e liquidados em dois dias úteis no valor que foi acordado no momento de envio da ordem de compra ou venda, no mercado a prazo o comprador assume o compromisso de pagar somente em data futura

Dessa forma, as partes envolvidas na operação, ou seja, compradores e vendedores, estabelecem um preço que só será liquidado em uma data futura específica. 

Por conta disso, ao pagamento é acrescido uma remuneração a título de juros sobre o preço da ação. Em geral, utiliza-se como referência a Taxa Selic

Mesmo que a ação valorize ou desvalorize no período até a liquidação, o pagamento deverá ser realizado no valor realizado por meio da operação a prazo.

As operações a prazo no mercado financeiro podem ser divididas em três principais categorias:

  • Mercado a termo
  • Mercado futuro
  • Mercado de opções

Mercado a termo

O mercado a termo é o ambiente de operações de compra e venda de derivativos, com um prazo de vencimento determinado em uma data futura

Nesse caso, o vendedor e o comprador assumem o compromisso de efetuar a transação na data de vencimento especificada em contrato.

Mercado futuro

O mercado futuro é o ambiente de negociações de contratos de compra e venda de produtos que só serão realizados no futuro.

Esses ativos são diversos e podem ser commodities, dólar, índice Bovespa ou até índices de mercados estrangeiros. 

Mercado de opções

O mercado de opções é o ambiente onde são negociados contratos firmados de direito, por um determinado período, de compra ou venda de ações a um preço fixo

Ao final do contrato, o proprietário da opção pode escolher se concretiza a operação ou se desiste do que foi inicialmente negociado.

Conclusão

Se você é iniciante no mundo dos investimentos e quer experimentar aplicações em renda variável, o mercado à vista é o mais recomendado. 

Além de ser um jeito seguro e rentável de investir o seu dinheiro, o mercado à vista garante que você tenha o retorno esperado já que você adquire o lote de ações pelo valor acordado no momento da compra ou da venda, mesmo que o valor delas tenha variado nos dois dias úteis que leva para a operação ser liquidada. 

Assim como em qualquer outra operação que você deseja fazer no mercado financeiro ou na Bolsa de Valores, o investimento no mercado à vista deve ser feito a partir de muita pesquisa e informação sobre a empresa da qual você deseja adquirir ações. 

Isso garante que você especule da maneira correta e preveja mudanças de valor que podem te ajudar ou prejudicar sua carteira de investimentos. 

O mercado à vista está inserido no universo dos investimentos em contraponto ao mercado a prazo. Este, por sua vez, se divide em três principais categorias: mercado a termo, mercado futuro e mercado de opções.  

Cada uma dessas três categorias funciona de uma maneira específica no mercado de investimentos. Entre elas e o mercado à vista, pesquise bem qual é a melhor para o seu perfil de investidor antes de apostar suas fichas. 

Agora que você já sabe o que é o mercado à vista e como ele funciona, que tal aprofundar seus conhecimentos?  Neste texto você encontra tudo sobre tributação sobre investimentos de renda variável.

Para aprender mais sobre o universo dos investimentos, não deixe de conferir o nosso Instagram e ver tudo que a Akeloo tem para te oferecer!

Receba nossos conteúdos diretamente em seu e-mail

Não se preocupe, não enviamos spam.

Compartilhe

  • tesouro direto

Guia do Tesouro Direto: tudo que você precisa saber!

Como funciona o Tesouro Direto? Quais são os tipos de investimentos possíveis? Qual é a melhor opção? Essas e outras dúvidas foram respondidas nesse guia completo sobre o Tesouro. Continue lendo e descubra se o Tesouro Direto é pra você!