Calculadora de IR em Bolsa
CALCULADORA DE IR
Início » Renda Variável » Investimento Automatizado: o que é e como investir

Investimento Automatizado: o que é e como investir

Parece coisa de filme, mas o investimento automatizado já é realidade: saiba o que os robôs traders podem fazer por você!

Por Equipe Akeloo

Publicado em: 23/10/2020 às 17h00

Compartilhe

Investimento Automatizado: o que é e como investir

Décadas atrás, os filmes de Hollywood tentavam adivinhar como seria o século XXI. Imagens de carros voadores, androides e astronautas explorando outros planetas eram comuns nessas previsões do futuro. Apesar de muitos palpites daquela época passarem longe da vida que conhecemos hoje, as apostas da ficção não estavam completamente equivocadas. Com os avanços tecnológicos, boa parte da nossa rotina está cheia de robôs, embora eles não sejam iguais aos personagens de Blade Runner ou Robocop. Pode ser que você não perceba, mas a automação está nos algoritmos das redes sociais, nos aspiradores de pó que “andam” sozinhos pela casa e também na Bolsa de Valores. O investimento automatizado permite que a inteligência dos robôs te ajude a obter resultados melhores com renda variável. Neste artigo, vamos apresentar o investimento automatizado e responder às seguintes perguntas:

  • o que é investimento automatizado?
  • como funciona o investimento automatizado?
  • investimento automatizado é seguro?
  • quais são as vantagens e desvantagens?

O que é investimento automatizado?

Com uma presença ainda tímida no mercado brasileiro, o investimento automatizado é uma maneira de delegar algumas decisões a robôs especialistas e de receber orientações personalizadas sobre como investir seus recursos. Em poucas palavras, o investimento automatizado é uma inovação tecnológica que se baseia em dados e algoritmos para operar na Bolsa de Valores.  

Apesar da desconfiança com que os robôs são vistos por parte dos investidores, não há dúvidas de que eles vieram para ficar. Na bolsa americana, por exemplo, já há mais consultores de investimento robôs do que humanos. Essa é a prova de que, além da praticidade, a automação dos investimentos também oferece um bom desempenho quando comparada aos traders tradicionais.

Como funciona o investimento automatizado?

Há várias possibilidades de operação no investimento automatizado, mas, no geral, funciona assim: baseado nas suas preferências e parâmetros, o robô faz as escolhas de investimento e você pode validá-las ou não.

Entre as funcionalidades dos robôs, estão a capacidade de montar carteiras variadas a partir de modelos matemáticos — como a Teoria Moderna do Portfólio — e do histórico das ações. Eles também podem operar de forma autônoma na bolsa, comprando e vendendo ativos e realocando os recursos disponíveis.

No Brasil, há poucas empresas especializadas em investimento automatizado, mas quase todas possuem integração com as principais corretoras do país. Assim, os clientes não precisam abrir uma conta em outra corretora para utilizar as plataformas de automação.

Um dos usos mais comuns deste tipo de investimento é para operações de Day Trade e Swing Trade. Os robôs são uma ótima adição à estratégia das operações de curto e curtíssimo prazo, pois sua agilidade é compatível com os cenários em que uma fração de segundo pode ser o que separa o lucro do prejuízo.

Com um robô responsável pela análise técnica, o investidor não precisa ficar de olho no pregão o tempo todo ou executar as ordens manualmente pelo home broker. Essas decisões são tomadas de maneira automatizada. Por consequência, não há tanto envolvimento emocional com a operação, o que é uma das maiores vantagens deste tipo de investimento, como falaremos mais adiante.

Investimento automatizado é seguro?

Como todo investimento em renda variável, os robôs traders estão suscetíveis às oscilações do mercado, embora seus diagnósticos sejam precisos e programados para minimizar as perdas. Ao identificar uma possibilidade de prejuízo, o robô pode atualizar a carteira com investimentos mais estáveis, de acordo com os parâmetros definidos pelo usuário. 

Já em termos de confiabilidade, o investimento automatizado está menos sujeito a erros do que traders humanos, já que o fator psicológico conta muito na hora da operação. Muitas pessoas agem por impulso e sofrem com a pressão do mercado financeiro, algo que não é um problema para os robôs, que são capazes de entregar uma análise menos enviesada do que a de seus parceiros de carne e osso.

É importante, contudo, conferir se a plataforma utilizada para gerenciar o investimento automatizado é realmente segura, isto é, se possui proteção contra ataques e invasões, se tem um servidor dedicado, se está hospedada na nuvem ou se depende de um programa em execução em um computador local. Todos esses fatores devem ser levados em consideração antes de começar a usar os robôs a seu favor.

Quais são as vantagens e desvantagens?

A operação com robôs possui diversas vantagens em relação à operação manual. A primeira delas é que o investimento automatizado é mais rápido, isto é, capaz de realizar cálculos em pouquíssimo tempo e reequilibrar os aportes para evitar perdas. Um trader humano, por outro lado, pode ter uma vasta experiência no mercado, mas dificilmente poderá competir com a rapidez dos robôs.

Graças à sua natureza automática, os robôs traders também podem negociar simultaneamente em múltiplos mercados, algo que é especialmente vantajoso para investidores que gostam de diversificar seus ativos. Nada passa despercebido pelos algoritmos, então os problemas de timing na operação se tornarão cada vez mais raros.

Por um lado, o robô não tem o mesmo “feeling” de um profissional de mercado financeiro com expertise em sua área. Por outro, é justamente isso que torna o investimento automatizado mais confiável. Até mesmo os traders mais experientes podem sofrer com o impacto das emoções em suas decisões, e a adrenalina pode atrapalhar a pensar com clareza. Quem se rende aos investimentos automatizados escolhe atuar em um ambiente em que não há espaço para especulação.

A lógica de delegar a responsabilidade da carteira aos robôs é quase a mesma de quem opta por um fundo de investimento — outra pessoa ou instância assume o papel de gerenciar seus recursos. Para alguns, isso pode representar uma queda significativa no estresse de lidar com o mercado financeiro. 

Conclusão

Com a popularidade crescente entre os fãs de Day Trade, os investimentos realizados por robôs estão se estabelecendo como uma saída eficaz para operações mais arriscadas, em que o tempo de resposta e a cabeça fria fazem toda diferença.

Mas a aplicação dos robôs pode ser direcionada para outros tipos de investimentos, de acordo com o perfil do investidor e com os parâmetros estabelecidos por ele. Ainda que não fique tão evidente, os robôs não são 100% independentes da inteligência humana. A parceria entre máquina e homem é o que faz essa dinâmica funcionar.

Mesmo diante das vantagens expressivas que o investimento automatizado apresenta, algumas pessoas podem não se adaptar às funcionalidades. É certo de que algumas mudanças são inevitáveis — prova disso é que a bolsa brasileira não é mais a gritaria de alguns anos atrás —, mas ainda é possível investir do jeito tradicional. Se você gosta de ter pleno controle das operações ou se faz questão de ter um advisor humano, o investimento automatizado pode não ser para você. 

O mercado financeiro está em constante transformação e nós da Akeloo somos comprometidos em trazer conhecimento para que você possa tomar decisões inteligentes.

Conheça nossa solução para cálculo de Imposto de Renda na Bolsa

Com a calculadora de IR da Akeloo, você fica em dia com os seus impostos de maneira simples e fácil de acompanhar, além de  manter organizadas todas as informações necessárias para realizar a sua Declaração Anual de IR em Bolsa de maneira inteligente, evitando pagar valores errados. Clique aqui e saiba mais!

Receba nossos conteúdos diretamente em seu e-mail

Não se preocupe, não enviamos spam.

Compartilhe