Calculadora de IR em Bolsa
TESTE GRÁTIS
Início » Mercado Financeiro » Como desenvolver uma estratégia de investimentos? Confira dicas

Como desenvolver uma estratégia de investimentos? Confira dicas

A estratégia de investimentos é um planejamento fundamental para ter sucesso no mercado financeiro. Saiba mais sobre esse plano e como fazê-lo

Por Equipe Akeloo

Publicado em: 29/01/2021 às 17h00

Compartilhe

Como desenvolver uma estratégia de investimentos? Confira dicas

Investir está se tornando cada vez mais acessível. Contudo, essa decisão não pode ser tomada impulsivamente e é fundamental que, antes de realmente começar a comprar ativos, o investidor defina pelo menos o início de uma estratégia de investimentos

Quando dizemos que os investimentos estão cada vez mais acessíveis, isso pode ser comprovado com o fato de que, apenas em 2020, quase 3 milhões de pessoas entraram para a Bovespa, a Bolsa de Valores de São Paulo e a maior do Brasil 

Com os juros cada vez mais baixos no país, as promessas de ganhos na bolsa aumentam. Nessas condições, isso pode de fato acontecer, mas é fundamental que o investidor saiba que os ganhos não virão da noite para o dia e que é preciso estipular e cumprir, com disciplina, uma estratégia de investimentos. 

Para entender a importância dessa estratégia e ainda conferir dicas de como criar a sua, é só continuar a leitura. Neste texto vamos falar mais sobre os seguintes pontos:

  • Para que serve uma estratégia de investimentos?
  • Principais estratégias de investimentos;
  • Como descobrir qual estratégia é a melhor para mim?
  • A importância da análise de perfil do investidor; 
  • Dicas para desenvolver sua própria estratégia de investimentos;

Para que serve uma estratégia de investimentos? 

Ter um planejamento para guiar as nossas ações é sempre mais fácil, não é? 

Se você decidir cozinhar uma nova receita, por exemplo, você não pode simplesmente escolher ingredientes aleatórios e misturá-los na ordem que acha mais correta. 

Para que a receita dê certo e saia como o esperado (ou até melhor que o esperado!), você precisa encontrar uma receita que seja confiável e seguí-la. 

Isso significa que você precisa comprar os ingredientes certos (e de qualidade), na proporção certa, e precisa seguir o passo a passo do preparo. 

Só assim você vai alcançar um resultado final satisfatório. 

Assim também acontece no mundo dos investimentos. Comprar ativos só porque um conhecido indicou, ou só porque “tá todo mundo comprando!” normalmente não é uma boa ideia. 

Ter uma estratégia de investimentos consolidada e disciplina para segui-la significa estipular não só objetivos, como também formas de alcançar esse objetivo. E ter esse caminho traçado vai te ajudar a não cair em ciladas que poderão afetar o seu patrimônio.

Essa parte pode ser a mais difícil para quem começa a investir, mas é um trabalho que vale a pena e que com certeza vai facilitar todos os processos futuros. 

Além disso, ter objetivos definidos te ajudará a alcançar a tão sonhada liberdade financeira. Melhor ainda: você saberá quanto precisará investir, e durante quanto tempo, para alcançar seus propósitos. 

O mais importante é ter conhecimento sobre os ativos em que você está investindo, pois é justamente esse conhecimento que te ajudará a não perder as melhores oportunidades do mercado

As principais estratégias de investimento 

Uma das primeiras classificações que um investimento pode ter diz respeito à duração. São divididos em investimentos de curto ou de longo prazo e cada um possui suas particularidades. 

Lembrando que ambas as estratégias podem ser usadas para ativos negociados no mercado de renda variável, como ações, fundos de investimento e contratos futuros

Ativos de renda fixa são normalmente encaixados nos investimentos de longo prazo. Apesar de o investidor ter a possibilidade de retirar o investimento antes do prazo combinado, isso não é nem um pouco vantajoso e pode acarretar em prejuízos. 

Saiba mais sobre a diferença dos dois a seguir: 

Investimentos de curto prazo

Os investimentos de curto prazo, especificamente na Bolsa, são muito conhecidos no mercado financeiro pelo nome de day trade

Essa estratégia promete altos lucros em curtos espaços de tempo baseando-se no fato de que uma ação pode apresentar diversos preços no intervalo de um dia à medida em que o ativo é negociado e especulado na bolsa. 

Contudo, essa estratégia é muito perigosa (principalmente para os investidores novatos)

De acordo com uma pesquisa realizada pela FGV (Fundação Getúlio Vargas) em 2019, com foco em pessoas que operavam em day trade, 91% dos entrevistados tiveram prejuízo (isso sem considerar custos de corretagem e de despesas com as corretoras). 

Dos entrevistados, apenas 0,8% (o equivalente a 13 pessoas) tiveram lucro médio diário acima de R$300. 

Você concorda que esse tipo de investimento é muito arriscado e que tanto risco assim não compensa para o investidor? 

Ainda de acordo com o relatório do estudo, os pesquisadores Fernando Chague e Bruno Giovannetti, responsáveis pela pesquisa, afirmaram: 

“Nós apresentamos fortes evidências de que não faz sentido, ao menos econômico, tentar viver de day trading. Os dados indicam que a chance de obter uma renda significativa é remota para as pessoas que persistem na atividade. Por outro lado, a chance de se obter prejuízo é muito elevada.”

Dessa forma, basear uma estratégia de investimentos no curto prazo pode ser muito arriscado, aumentando as chances de o investidor ter muito prejuízo

Investimentos de longo prazo 

Por outro lado, os investimentos de longo prazo têm muito mais chances de serem prósperos e de trazem sucesso para o investidor.

Essa estratégia também é conhecida pelo nome de buy and hold e consiste em comprar ações de empresas em que você acredita no crescimento e na valorização nos próximos anos e segurar esses ativos na sua carteira pelo tempo que for necessário, que pode ser:

  • até eles atingirem os objetivos de valorização que você estipulou; 
  • ou até que eles não estejam mais dentro da sua estratégia de investimentos. 

É importante dizer que pode ser que sua estratégia de investimentos mude ao longo do tempo, é normal. Isso acontece porque também mudam os nossos objetivos de vida, de carreira e de realizações pessoais. 

Uma boa estratégia de investimentos acompanha todas essas mudanças porque o bom investidor sabe quando é a hora de repensar e de criar outras formas de alcançar os novos propósitos. 

Não ter pressa de lucrar ou medo de ter prejuízo de um dia para o outro, como acontece no day trade, dá mais tranquilidade para o investidor. A pressão é bem menor, assim como risco. 

Nas estratégias de longo prazo os ganhos são maiores, pois a maioria das empresas leva alguns anos para alcançar resultados realmente satisfatórios relativos à valorização do preço dos ativos. 

Uma dica para ter sucesso nessa estratégia é ficar de olho no mercado para identificar empresas que possuem alto potencial de retorno mas que, naquele momento, estão apresentando valores subvalorizados

Se essa baixa nos preços for ocasionada por motivos externos à empresa (como aconteceu com várias companhias devido à crise do coronavírus, em 2020) e o investidor acreditar que a empresa conseguirá se restabelecer quando esse período de incertezas passar, comprar esses papéis pode ser uma ótima oportunidade.  

Tendo paciência, estes papéis retomarão seus preços justos (podendo até superá-los) e o investidor terá lucro, pois comprou ativos mais baratos e poderá vendê-los quando estiverem mais caros. 

Essa estratégia também é conhecida como value investing e exige disciplina, paciência e força psicológica.

Como descobrir qual estratégia é a melhor para mim? 

Temos que concordar que o principal objetivo de qualquer estratégia de investimentos é ganhar dinheiro com o mercado financeiro, certo? 

E para que isso aconteça, é fundamental ter disciplina para aplicar mensalmente uma parte dos seus ganhos. Mais que isso, é fundamental saber quais são os melhores lugares para aplicar esse dinheiro

Antes de começar a investir, busque saber um pouco mais sobre cada um dos ativos disponíveis no mercado. 

Procure estudar sobre renda fixa, sobre renda variável e sobre derivativos. 

Identifique qual desses investimentos pode ser mais vantajoso considerando o atual momento político do país ou busque por profissionais sérios que podem te ajudar e te aconselhar sobre as melhores opções. 

Lembre-se que a diversificação da carteira é fundamental para ter sucesso e não se esqueça de ter paciência: pode ser que os lucros não apareçam de um dia para o outro, mas, com constância, eles chegarão. 

Comece com uma estratégia que faça sentido para você. Que leve em consideração seus planos de curto prazo (como uma viagem ou uma compra mais cara) e também os de longo prazo (como comprar um apartamento ou se aposentar mais cedo).

A importância da análise de perfil de investidor

Um ponto crucial, e que torna mais fácil a definição de estratégia de investimentos ideal para o investidor, é a análise de perfil de investidor

Através dele, é possível ter uma noção de qual a melhor forma de organizar uma carteira de investimentos que facilite o cumprimento da estratégia de investimentos. 

Uma estratégia que leva em conta o perfil do investidor busca colocar em prática as porcentagens sugeridas para cada perfil (que pode ser conservador, moderado ou arrojado), adequando a quantidade de ativos que já possui ou que pretende adquirir para que a carteira combine com os objetivos do investidor. 

Caso você ainda não tenha feito o teste, descubra agora mesmo qual é o seu perfil de investidor e confira as nossas sugestões de percentuais de alocação que se adequam a cada um dos perfis. 

Mas atenção: por mais que o teste de perfil seja super importante, ele não deve limitar as suas decisões ou te impedir de ousar ou de ser conservador em determinadas situações. 

Além disso, ele não deve ser feito apenas uma vez; o balanceamento de carteira constante é um dos grandes segredos para ter prosperidade nos investimentos.  

Dicas para desenvolver sua própria estratégia de investimentos

Não existe maneira correta de montar uma estratégia de investimentos, mas existem algumas dicas simples para você montar uma que seja ideal para a sua realidade. 

Confira: 

Defina um objetivo claro 

Ter um objetivo claro te dará motivação para ter disciplina e seguir o plano. Nem sempre é fácil guardar e investir dinheiro, mas quando o investidor tem um propósito definido e um motivo lógico por trás da estratégia, existe a consciência de que as recompensas futuras valerão a pena. 

Pode ser construir uma reserva de emergência, fazer uma viagem sem preocupações, comprar um carro, mudar de país, aposentar com tranquilidade e por aí vai. 

Busque elencar pelo menos 3, uma para o curto prazo (até 2 anos), uma para o médio prazo (de 3 a 10 anos) e outra para o longo prazo (mais de 10 anos). Uma boa dica é anotar e deixar em um lugar de fácil acesso, para que você nunca esqueça onde quer chegar. 

Conheça os principais produtos do mercado 

Como já dissemos, a diversificação de investimentos é uma das estratégias mais acertadas e que deve fazer parte do planejamento de todos os investidores que desejam ter sucesso

Saber a diferença entre os ativos de renda fixa e os de renda variável e, mais que isso, saber dosar as quantidades de cada um na carteira, é um conhecimento que só pode ser adquirido quando o investidor estuda o mercado financeiro. 

Pode ser por conta própria, procurando na internet, ou através da assinatura dos serviços prestados por uma casa de análises. Neste último caso, evite confiar à primeira vista em qualquer propaganda que aparecer. 

Busque referências sobre o trabalho dos analistas e procure saber sobre a reputação que a casa possui no mercado; afinal, é o seu patrimônio e o seu futuro que estão em jogo quando você decide aprender a investir, e essa decisão precisa ser muito bem pensada para funcionar corretamente. 

Conheça os potenciais de risco e de retorno 

Se por um lado os ativos de renda fixa são mais seguros, os de renda variável podem apresentar retornos muito melhores para o investidor. 

Saber das particularidades de cada um dos produtos te ajudará a definir quais ativos devem fazer parte da sua carteira para que você consiga executar sua estratégia de investimentos com mais facilidade. 

Tenha consciência de que não existe dinheiro fácil 

Diferente do que muitos investidores novatos e pessoas que pensam em entrar na bolsa pensam, o mercado financeiro não é mágico e promete lucros garantidos para todo mundo. 

Um bom investidor sabe que a economia é cíclica e que momentos de altos e baixos são normais e até mesmo inevitáveis. 

Todos os investidores cometem erros em algum momento. Mas, quando há uma estratégia bem definida por trás das decisões, fica mais fácil retomar o plano original e reorganizar as ideias. 

Conclusão 

Ter uma estratégia de investimentos bem definida é muito importante para o investidor que quer alcançar seus objetivos, pois esse plano guia a tomada de decisões e ajuda a ter mais clareza nos processos. 

Para aprender ainda mais sobre o universo dos investimentos, não deixe de conferir o nosso Instagram e ver tudo que a Akeloo tem para te oferecer!

Guia gratuito sobre análise fundamentalista

Receba nossos conteúdos diretamente em seu e-mail

Não se preocupe, não enviamos spam.

Compartilhe