Calculadora de IR em Bolsa
TESTE GRÁTIS
Início » Criptomoedas » Daytrade de criptomoedas: é possível? 

Daytrade de criptomoedas: é possível? 

Entenda como funciona o daytrade de criptomoedas e conheça os riscos envolvidos nesse tipo de negociação

Por Equipe Akeloo

Publicado em: 22/08/2021 às 20h25

Compartilhe

Daytrade de criptomoedas: é possível? 

Quem acompanha o mercado financeiro certamente já se viu diante do termo daytrade. Ele se refere a uma modalidade de negociação de ativos com o objetivo de gerar lucro com a oscilação dos preços ao longo do dia. Essa é uma prática comum e bastante associada a investimentos tradicionais. Mas será que é possível fazer daytrade de criptomoedas?

Essa é uma pergunta que muitos investidores têm feito, principalmente porque o mercado de moedas digitais está em alta. Por estar à margem do sistema financeiro tradicional, ele ainda é visto com desconfiança e dúvida até mesmo por quem busca diversificar seus investimentos apostando em ativos alternativos. 

Ficou curioso para saber a resposta da pergunta que esse texto propõe? Nele, você irá encontrá-la, assim como informações detalhadas sobre esse tipo de negociação, dicas para entrar nesse universo e muito mais: 

  • O que é daytrade? 
  • É possível fazer daytrade de criptomoedas? 
  • Como é feito o daytrade de criptomoedas? 
  • Como começar a fazer daytrade de criptomoedas?

O que é daytrade? 

Daytrade é um termo em inglês usado no mercado financeiro para se referir a operações de compra e venda de ações que acontecem no mesmo dia. Por isso leva esse nome: day significa dia, e trade significa troca – mas também pode ser traduzido como transação. Em suma, é uma transação financeira que acontece no mesmo dia. 

O responsável por esse tipo de operação é chamado de daytrader. Já o ato de se fazer o daytrade recebe o nome de daytrading. 

Essa é uma prática bastante comum no mercado financeiro, principalmente quando diz respeito a ações. Ela pode ser feita como compra seguida de venda, mas também como venda seguida de compra. O principal objetivo do daytrade é aproveitar a oscilação de preço dos ativos financeiros em um mesmo dia para obter lucro. 

Assim, um investidor pode adquirir ativos às 12h pagando R$ 1 por ação e, às 13h, vender cada uma delas por R$ 1,50, obtendo um lucro de 50%. Da mesma maneira, ele pode vendê-las por R$ 1,50 para, mais tarde, readquiri-las pelo valor de R$ 1. 

Ou seja, o grande segredo do daytrade é saber aproveitar a variação de preço das ações.

Hoje em dia, o mercado financeiro vive uma democratização, o que permite que qualquer pessoa seja daytrader. Não é necessária uma formação específica, mas sim experiência com o mercado financeiro e faro para saber a hora certa de comprar e vender. 

É possível fazer daytrade de criptomoedas? 

Sim! O mercado das moedas digitais permite que seja feito daytrade com esses ativos. Esse tipo de operação vai de acordo com a volatilidade das criptomoedas, cujo valor é determinado pela lei de oferta e procura. Não é raro que o preço delas variem mais de 100% em um único dia, o que pode favorecer o daytrading. 

Isso possibilita uma abrangência maior de possibilidades de negociação. Enquanto uma ação tradicional tem uma variação de preço prevista e relativamente estável em condições normais, as criptomoedas sofrem alterações bruscas de preço justamente por sua instabilidade de mercado. 

Essa característica favorece tanto os daytraders que pretendem realizar uma compra seguida de venda, quanto aqueles que buscam uma venda seguida de compra. 

Como é feito o daytrade de criptomoedas?

A compra e venda de criptomoedas no esquema de daytrade é semelhante ao que acontece com as ações tradicionais.

Ao imaginar que uma moeda digital será valorizada nas próximas horas, um daytrader adquire os ativos digitais. Se de fato a oscilação acontece, ele vende aquilo que foi comprado por um preço maior e, assim, obtém o lucro. 

Tudo sobre LCI e LCA

O mesmo pode ser feito se ele imaginar que a moeda será desvalorizada. Então ele vende seus ativos e, após a oscilação do valor, compra eles de volta. Isso faz com que o investidor mantenha seus investimentos e faça com que eles geram uma rápida liquidez. 

Como já foi explicado acima, a grande diferença entre o mercado tradicional de ações e o mercado das criptomoedas é a volatilidade. Isso é uma vantagem, mas também pode ser uma armadilha. 

Para um daytrade de sucesso, é necessário que se faça uma negociação eficaz. É preciso ter disciplina e estratégia que deem conta do mercado das moedas digitais. 

O bom daytrader é aquele que toma decisões com base em dados e acompanha as tendências e novidades do mercado.

Como começar a fazer daytrade de criptomoedas? 

O primeiro passo para começar a explorar o universo do daytrade de criptomoedas é procurar uma corretora de criptomoedas, as chamadas exchanges. Certifique-se de que se trata de uma empresa confiável que permite a compra e venda de moedas digitais em qualquer dia ou horário. 

Depois disso, pesquise quais os ativos mais vantajosos para investir. Normalmente são aqueles que têm alta liquidez, o que provavelmente irá atrair compradores ou vendedores. Caso contrário, você pode encontrar certa dificuldade para fazer as negociações com outros daytraders ou investidores interessados em adquirir ou vender criptomoedas. 

Após essa etapa, você precisa depositar seus fundos. Procure plataformas de negociação de criptomoedas que oferecem vários métodos de financiamento, como cartões de débito ou crédito, transferências eletrônicas, processadores de pagamento, transferências bancárias, entre outras. 

Sempre tenha em mente que o investimento em criptomoedas é extremamente arriscado por conta de sua característica volátil. Portanto, a principal recomendação é investir aos poucos, pequenas quantias, até que você pegue o jeito da coisa. E mesmo a partir daí, é preciso ter cuidado. 

Diversificar é a palavra de ordem no mundo dos investimentos e isso se aplica às moedas digitais. Talvez seja o caso de você apostar em diferentes ativos. Assim, caso um deles não dê certo, você pode apostar em outro e, quem sabe, obter os resultados que estava esperando.

Conclusão

O daytrade de criptomoedas é uma tendência crescente entre os investidores. Essa prática não só é possível, como também pode render bons frutos para quem sabe utilizá-la de maneira correta. As moedas digitais são bastante voláteis e isso combina perfeitamente com a prática de daytrade, operação de compra e venda de ativos que acontece no mesmo dia. 

Nela, o daytrader (pessoa responsável pela transação) pode tanto fazer uma compra seguida de venda, assim como uma de venda seguida de compra. Ambas visam o lucro. 

Essa é uma operação bastante comum no mercado de ações, mas totalmente possível quando os ativos são as criptomoedas. O jeito que ela é feita também é relativo ao mercado financeiro tradicional. O investidor especula que determinada moeda sofrerá oscilação em seu valor. A partir daí, ele decide qual será a natureza de sua operação. 

Mas antes de entrar nesse universo, é preciso ter em mente que daytrade é uma operação arriscada que deve ser baseada em dados que vão de acordo com as tendências do mercado. Procure uma exchange confiável, pesquise os ativos mais vantajosos e entenda como funcionam as plataformas de negociação. Não se esqueça de diversificar sua pasta de investimentos. 

Agora que você já tem todas as informações sobre o daytrade de criptomoedas, que tal ir além? Este texto explica como investir em bitcoins e outras criptomoedas

Para aprender mais sobre o universo dos investimentos, não deixe de conferir o nosso Instagram e ver tudo que a Akeloo tem para te oferecer!

Receba nossos conteúdos diretamente em seu e-mail

Não se preocupe, não enviamos spam.

Compartilhe

  • aluguel de ações

Aluguel de ações: como funciona?

Apesar de pouco comum entre os investidores de primeira viagem, o aluguel de ações é uma boa pedida para rentabilizar ativos parados e ganhar com as oscilações da bolsa de valores. Descubra como essa prática pode funcionar para o seu perfil de investidor!